Ferramentas poderosas da PNL (Programação Neurolinguística) para alcançar o sucesso!

 

 Imagem

No Café Com Ideias de hoje, falaremos sobre a PNL(Programação Neurolinguística), seu início e sobre suas ferramentas poderosas que propiciam o alcance do sucesso pessoal e em grupo.

Por Claudia Menezes:

O sucesso é muito relativo. Para uns, é ter uma situação financeira controlada, para outros é ter uma família bem estruturada e assim, vão surgindo vários conceitos sobre o mesmo. Muitas pessoas almejam o sucesso que foi conquistado por outras pessoas, mas não se esforçam para alcança-lo. Podemos dizer que a felicidade está ligada ao sucesso, uma vez que precisamos nos afirmar quando buscamos algo.

A PNL (Programação Neurolinguística) foi apresentada oficialmente em 1976, por seus fundadores John Grinder e Richard Bandler, docentes da Universidade da Califórnia. Também considerada a arte da excelência humana, nada mais é do que um conjunto de ferramentas que ajudam as pessoas a desenvolverem a excelência rumo às metas que elas definiram. Ex: Falar em público, aumentar as vendas, conseguir bons relacionamentos interpessoais, serem mais organizadas e etc. De forma mais prática, pode-se dizer que a PNL estuda como a linguagem verbal e não verbal afeta o nosso sistema nervoso. Estuda, portanto, como as pessoas se intercomunicam e propõe ferramentas para facilitar as relações humanas.

Seus autores desenvolveram a PNL com base em observações e estudos de profissionais de diversas áreas importantes, como: Antropologia, Medicina, Psicanálise e Psicologia. Através destes estudos, conseguiram identificar, como os pacientes destes profissionais apresentavam comportamentos diferentes de acordo com a maneira como viam o mundo. Aqueles cuja mente era negativa, recebiam seus resultados tal qual assim projetavam. Aqueles cuja mente era positiva, recebiam seus resultados de maneira favoráveis e muitas vezes, alcançavam além de suas expectativas. Assim, chegaram à conclusão de que “O universo conspira a favor do ser humano” e tudo que a mente deseja de uma maneira ou de outra ela alcança, depende simplesmente da projeção.

De acordo com a PNL, temos três maneiras de visualizar o sucesso. A primeira é: Quando vimos uma pessoa bem sucedida, podemos admirá-la, a segunda, sentir inveja e a terceira é admirar, fazer igual ou melhor que a pessoa de sucesso (este é o objetivo final da PNL). Porém, não basta desejarmos ter sucesso, existem vários obstáculos que nos impedem de muitas vezes alcança-lo. Fatores ligados à infância, ao medo, ansiedade, falta de crença, baixa autoestima, entres outros.

Assim,  a PNL tem como objetivo despertar no profissional de qualquer  área o autoconhecimento, o equilíbrio e a gestão pessoal. Além de maximizar as características positivas e minimizar as características negativas deste profissional. Sem contar a melhoria nos relacionamentos pessoais e profissionais, uma vez que o profissional se tornará capaz de estabelecer o rapport (empatia).

 

 Então vamos conhecer um pouco como utilizar algumas dessas ferramentas que nos levam ao sucesso?

Primeiramente, eliminando os sabotadores (tudo aquilo que impede o crescimento). Pessoas de sucesso sabem o que querem, têm sempre um objetivo bem definido em mente, sabem reconhecer o que estão obtendo, têm uma elevada acuidade de percepção.

 Pessoas de sucesso mudam seu comportamento quando não estão obtendo o que desejam, têm muita flexibilidade e resiliência. Pessoas de sucesso criam metas pessoais e profissionais desafiadoras e realistas.

Um segundo passo muito importante nas vendas é estabelecer empatia com o cliente: Criar um relacionamento baseado em confiança mútua, igualar estados internos (sentimentos) e manifestações externas (reações); e acompanhar primeiramente (escutar) para depois conduzir o cliente.

Em seguida é importante conhecer os canais perceptíveis (sentidos) do cliente, identificando através de qual deles ele se comunica, visual, auditivo ou sinestésico: O cliente visual entrará em detalhes sobre cores, designers e tamanhos. É o momento ideal para o vendedor reforçar estes aspectos, mostrando mais os produtos e serviços.

O cliente auditivo irá questionar mais os benefícios dos produtos ou serviços, este é o momento ideal para que o vendedor realce suas características.

Já o cliente sinestésico, buscará mais conforto e segurança nos produtos ou serviços oferecidos. Neste momento, o vendedor deverá proporcionar ao cliente tal sentimento, levando-o a experimentar o resultado desejado.

Hoje, muito mais que atender aos clientes, devemos superar suas expectativas, criando relacionamentos baseados em confiança, conhecendo e respeitando suas crenças e seus valores.

“Pela primeira vez, um número substancial e crescente de pessoas têm a possibilidade de fazer escolhas. Pela primeira vez, as pessoas terão de administrar a si próprias. E é preciso que se diga uma coisa: elas estão totalmente despreparadas para isso”.

                                                                                                                                                                              Peter Drucker

 

Abraços,

Claudia Menezes

 http://www.claudiamenezes.com.br/

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Café Com Idéias com as etiquetas , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s